quinta-feira, 16 de julho de 2009

Poema


ROMÂNTICA
Breve é contorcido,
o rosto.
Em que aturdido
esgar?
Teria iludido
o gozo,
ou se combalido
ao tentar?

Só sei é que nesse estupor,
quão feia é a face do amor!

10 comentários:

Jonas disse...

Sob o ponto de vista que o poema aborda - brilhantemente urdido em seu espaço único - a face do amor em seu ápice pode até ser feia, pois românticos em geral gostam do amor que se constitui do pescoço pra cima (platônico)... Vamos em frente Josias, que sua pena é especial demais pra ficar parada.

Ezter Liu disse...

Baixou o caboclo escrevedor foi? ótimo...

Magna Santos disse...

Parece que, de 2003 pra cá, a face do amor continua feia.
Dois poemas fortes que, se nos tomam doridos, capazes são de nos fazerem silenciosos.
Abraço.
Magna

PriX disse...

Desculpe a invasão, tava passeando por alguns blogs e em algum deles deparei-me com o teu... Gostei bastante!

O amor pode assumir a face que desejarmos que ele tenha.

Belas palavras!

Abs.

Magna Santos disse...

Amigo poeta, mais uma vez, cadê você? Precisamos de mais inscritos.
Abraço.
Magna

Luna Freire disse...

Donde estás??? Estou convocando os tricolores a comparecerem lá em Palavraspontes. É que postei um desabafo e quero compartilhá-lo. Um desabafo escrito duas horas depois do jogo contra o CSA. Ou seja, vá preparado: o conteúdo é um pouco desalentador...

PriX disse...

Josias,
Agradeço a visita e as palavras.
Meus escritos são fruto de minhas inquietações, na maioria das vezes brotam de onde menos espero. Sou meio de fases: ora escrevo, ora tenho bloqueios inspiratórios. Ora sorrio, ora choro...enfim, sou um paradoxo em mim...uma constante inconstancia, por isso mesmo não te assustes se algum dia você for lá no intervalo mental e não tiver nenhum post, tenho essa mania também...às vezes me dá uma louca e eu deleto tudo e recomeço do zero.
Quanto a demora em me retribuir a visita, não te preocupes. Entendo exatamente a correria, afinal tô na mesma... fim de período na facul, reta final da organização do ENECS, que inclusive contará com sua valiosa contribuição, né?

Ah, já ia esquecendo acostume-se também a ter o inscritos linkado lá no meu cantinho, viu?

Ufa, desculpe acabei disparar minha metralhadora de palavras..escrevi demais!

Beijos

Magna Santos disse...

Vim aqui comentar o teu comentário em Estradar, pois nunca tinha lido uma 'definição' tão precisa a respeito do "silêncio dorido" quanto a tua. Lindo demais, Josias!
Abraço.
Magna
Obs.:quanto aos teus comentários em Sementeiras, aquela produção publicada já fazia algum tempo...resgates necessários e que decidi compartilhá-los.Desculpe respondê-los aqui, mas é que não tenho outro modo.

Jonas disse...

Josias,

Somos seus amigos e admiradores, queremos o seu bem, portanto, temos condições de reinvindicar uma atualizada no blog...
Abraços do Jonas

Fanzine Episódio Cultural disse...

Olá, meu nome é Carlos Roberto de Souza. Sou autor do livro O anjo e a tempestade, publicado pela Editora Insanno (www.editorainanno.com ); editor da Revista Cinema Machadense (1911-2005do) e do Fanzine Episódio Cultural, um jornal sem fins lucrativos voltado exclusivamente à cultura. Está aberto para poetas, escritores, atores, atletas, músicos, compositores e outros...

A) O que é o Episódio Cultural?
É um jornal bimestral sem fins lucrativos cujo objetivo principal é divulgar todas as manifestações culturais, e proporcionar um espaço gratuito para que as pessoas possam divulgar seus trabalhos.

B) Qual a tiragem?
2 mil exemplares, distribuídos gratuitamente na região sul de Minas e em alguns países de língua portuguesa.

C) Qual a participação do leitor?
O leitor - seja ele artista ou não -, pode participar como colaborador enviando (via e-mail) poemas, contos, biografias, matérias de cunho cultural. Junto ao texto, uma foto para o seu perfil.

D) Quero ser colunista. O que devo fazer?
Basta mandar seus textos a cada dois meses. Você pode dar um nome à sua coluna se quiser.

E) Onde encontro na Internet?
Acesse o site www.portaldemachado.com para baixar as últimas edições em arquivo pdf.


Contato:
Carlos Roberto de Souza
(35) 3295-6106 (Machado-MG)
machadocultural@gmail.com
episodiocultural@globomail.com
http://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com



Visite os sites/blogs
www.myspace.com/tarokid2003
http://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com

Revista do Cinema Machadense (my cinema magazine)
http://www.youtube.com/watch?v=msoR2iUr-8M

Meu (my) Orkut:
http://www.orkut.com.br/Profile.aspx?uid=5139852101387050511